A Nova Lei Antifumo

A relação entre tabaco e problemas do coração, é algo que a população tem aprendido. A partir deste blog de saúde analisamos o problema que as pessoas que fumam, e refletimos os resultados de vários estudos realizados em Portugal, que afirmam que com a Lei Antifumo há menos enfartes de miocárdio. Uma relação importante para deixar de fumar.

As pessoas que fumam, em geral, é consciente do risco que representa para a saúde fumar, mas são incapazes de deixá-lo, já que não é nada fácil: há que ter segurança e querer deixá-lo. Um bom momento para fazer isso é agora, aproveitando a Lay Antifumo que entrou em vigor em 2006, e que proíbe o fumo em locais públicos e de trabalho. Este fato fez com que houvesse um declínio no número de infartos do miocárdio em Portugal.
O que parece certo é que a relação entre tabaco e comida é patente. De fato, há estudos que demonstram que uma pessoa exposta ao fumo do tabaco são mais propensas a ter um enfarte do miocárdio.
Mas com a Lei Antifumo, a coisa melhorou, felizmente para todos. Estudos realizados na espanha pela Agência de Saúde Pública de Barcelona, constataram que a aplicação de normas de proibição em locais públicos, resultou em um declínio no número de ataques cardíacos.

O passo seguinte, talvez, seja o de endurecer a Lei Antifumo para garantir um estado de saúde melhor de todos os cidadãos. Por exemplo, proibindo fumar em bares e restaurantes, algo que já se está pleiteando o Ministério da Saúde. Mas claro, isso é um tema polêmico, porque tem muita gente fumante que está contra. O conselho que podemos dar a essas pessoas (que fuma) é que o deixe, por seu próprio bem e para o bem dos que o rodeiam.