Pontos Sigre, reciclagem medicamentos

Cada vez que o cidadão está mais consciente da importância da reciclagem de tudo, mas mais do que os medicamentos fora do prazo de validade. Seis quilos por cada 1.000 habitantes têm vindo a recolher os 20.000 pontos Sigre.

Há 20.654 pontos Sigre nas farmácias do país, e se recolhem uma média mensal de 6 quilos de embalagens e medicamentos por cada 1.000 cidadãos, com um aumento em um ano de 13,23%. Navarra, Catalunha, Valência, Múrcia e Aragão, estão à cabeça com suas ações de reciclagem com uma alta participação de seus habitantes. Navarra ganha com mais de 8 quilos por 1000 habitantes, lhe Catalunha com 7,50, Aragão com 7, Lisboa 6,50 e Valência 6,35.
Puxar os medicamentos pode trazer problemas sérios ao meio ambiente e, de acordo com Sigre Medicamento e meio Ambiente, o cidadão vai cada vez mais assiduamente à farmácia para depositar os medicamentos e embalagens que não fazem falta.

Em uma revisão do kit, se retiram os medicamentos fora do prazo de validade e é o momento para jogá-los. Quando se termina uma medicina, já levamos a caixa antiga até a farmácia, e quando se termina um tratamento, há que recolher tudo e depositá-lo nos pontos que encontramos nas farmácias. De acordo com os dados, 52% dos cidadãos se levam as embalagens e medicamentos para farmácias, quando terminar o tratamento.
A reciclagem de medicamentos aumentou em mais de 13% em Portugal, este dado é importante e devemos continuar a crescer nesse sentido, mais consciência nos proporcionará mais qualidade de vida.
É saudável para nós, para o planeta e para as gerações futuras.