Problemas mais comuns em idosos

A chamada Terceira Idade, que muitas vezes não sabemos onde colocar o limite do início dela, já que ninguém -ou quase ninguém – quer entrar, é uma fase da vida das pessoas em que a decadência é a tônica, por isso que os problemas estão na ordem do dia. Por isso, a partir deste blog de saúde, abordar os problemas mais comuns em idosos.

Entre os problemas mais comuns em idosos nos encontramos com as quedas, que costumam ser acompanhadas de fraturas. É relativamente comum que uma pessoa mais velha, que caiu se frature quadril, uma das que mais sofre quando o corpo cai. As quedas são causadas pela falta de mobilidade, fraqueza muscular, falta de visão ou fragilidade óssea. Com isso, a artrite causada pelo desgaste das articulações, é outro dos problemas que se sofre quando os anos passam e a vida continua.
Outro dos problemas mais comuns em idosos é a hipertensão arterial, a qual pode causar arteriosclerose. Além disso, também são comuns a surdez progressiva, algo inevitavelmente associado à idade, assim como a cegueira. Neste caso, a vista também se vai perdendo com o passar dos anos.
Na Terceira Idade, a incontinência urinária é outra das preocupações, que costuma estar associada a problemas de próstata para os homens e de prolapso do útero das mulheres.

Podemos também ter em conta que outro dos problemas mais comuns em idosos é a depressão, que muitas vezes está associada à solidão que sentem as pessoas mais velhas. Pode gerar sensação de perseguição ou paranóia. Junto a isso, as confusões e as demências também são frequentes na Terceira Idade. Por último, a falta de memória também seria um outro problema que se agrava com a idade.